Arquivo | Notícias

Os artigos deste assunto também estão disponíveis através de feed RSS.

Sínodo dos Jovens | D. José Ornelas pede aos jovens que “caminhem em conjunto”

O bispo de Setúbal, D. José Ornelas, pediu aos jovens da diocese que participem nas propostas diocesanas – inquérito, reuniões – relacionadas com o Sínodo dos Bispos 2018.

D. José e jovens“É este caminho em conjunto que, com os jovens e como jovens, nós pedimos que todos participem. Para que esta Igreja seja cada vez dinâmica, mais jovem, mais sinodal, mais gente a fazer caminho de fé em conjunto”, mobilizou D. José Ornelas.

Desde o início deste mês que o Secretariado da Pastoral da Juventude de Setúbal convidou e desafiou os jovens da diocese a fazerem-se ouvir neste caminho sinodal.

O “Faz-te ouvir!” termina no final de março e tem o objetivo de “chegar a todos os jovens da diocese de Setúbal” – católicos, cristãos, de outras religiões, sem religião. A pastoral da Juventude publicou um inquérito e esquemas de encontro e oração para que a nível local – paróquias, movimentos juvenis, grupos de jovens, catequese – possam ser dinamizados encontros de reflexão e partilha.

Os jovens do território de Setúbal são desafiados também a partilhar fotografias, reflexões e ideias que surjam nesses encontros. No Facebook existe o grupo «Faz-te ouvir!» e a hashtag do momento é #FazteOuvir.

O bispo de Setúbal recorda o destaque do Papa Francisco de que o Sínodo dos Bispos não é “sobre os jovens mas dos jovens e com os jovens”.

“Também na preparação precisamos que realmente toda a gente participe, queremos ser parte desta Igreja, queremos ser parte deste caminho que estamos a fazer juntos”, realça D. José Ornelas, explicando o significado de sínodo.

PJS_Faz-te-Ouvir-Cartaz

Sobre o Sínodo…

A próxima assembleia sinodal, convocada pelo Papa Francisco, tem como tema «os jovens, a fé e o discernimento vocacional» e vai realizar-se entre 3 e 28 de outubro, em Roma.

Para preparar a reunião, a secretaria-geral do sínodo convocou uma reunião pré-sinodal que decorre entre 19 e 24 de março.

“Foram convidados jovens de várias partes do mundo, tanto jovens católicos como jovens de outras confissões cristãs e outras religiões, ou jovens não crentes”, anunciou o Papa Francisco a 4 de outubro de 2017, no final da audiência pública semanal, na Praça de São Pedro.

Em termos gerais, Sínodo dos Bispos pode ser definido como uma assembleia consultiva de representantes dos episcopados católicos de todo o mundo, com peritos e outros convidados, para ajudar o Papa no governo da Igreja Católica.

Até hoje houve 14 assembleias gerais ordinárias e três extraordinárias, as últimas dedicadas à Família, em 2014 e 2015.

O Sínodo dos Bispos também está nas redes sociais – Facebook, Twitter e Instagram – «Synod2018».

“encontra-TE e encontra-O” – Convívio Fraterno para Jovens

26805251_1744076738978423_6155745021021250363_n

O Convívio Fraterno é um encontro, com duração de três dias, que proporciona aos jovens um encontro consigo, com Deus e com os outros.

O próximo Convívio Fraterno para jovens na diocese de Setúbal realizar-se-à entre os próximos dias 9 a 12 de fevereiro, no Lar do Gaiato em Setúbal. O encontro tem início pelas 21h de dia 9 e termina dia 12, com um encerramento no Seminário de Almada, também pelas 21h.

As inscrições ainda estão abertas! Se tens mais de 17 anos e queres aceitar este desafio, preenche a tua ficha de inscrição aqui.

«Liberdade, com as Caraíbas» – Celebração Ecuménica Nacional

O mundo viveu, de 18 a 25 de Janeiro, a Semana da Unidade dos Cristãos. Multiplicaram-se encontros e celebrações por todo o país, dando corpo a uma vontade de Cristo: ‘Que haja um só Rebanho e um só Pastor!’.

O Guião da Semana é construído, ano após ano, numa terra onde a realidade ecuménica tem expressão. Coube às Igrejas das Caraíbas traçar as grandes linhas de reflexão e oração ecuménicas.

Lisboa acolheu, na Igreja de Santa Joana Princesa, a Celebração Ecuménica Nacional, integrada na já tradicional Vigília Ecuménica Jovem. Os departamentos juvenis das Igrejas Católica, Lusitana, Presbiteriana e Metodista prepararam a celebração, contando com a participação da Igreja Evangélica Alemã que, com o seu coro, animou dois momentos da Vigília.

Tudo começou com a apresentação do tema preparado nas Caraíbas, terra marcada pela escravatura e pela pobreza de boa parte dos seus habitantes. O tema escolhido foi a ’Liberdade’. Por isso, os jovens fizeram preces de reconciliação e libertação, levando placas com cadeias, a dizer ‘Exploração’, ‘Medo’ e ‘Pobreza’. Após leitura da prece, deixaram cair, com estrondo, as placas e as cadeias.

O texto do Êxodo, que fala da libertação do povo escravo no Egipto por Moisés, foi completado com o Evangelho que fala da libertação da doença e da morte, com a cura da mulher com fluxo de sangue e do regresso à vida da filha de Jairo.

O Credo e a Oração Universal antecederam o Pai Nosso, rezado de mãos dadas e o momento simbólico do abraço da paz.

A Celebração terminou com o compromisso de todos por mais e melhor ecumenismo e luta pela libertação de todas as formas de escravatura que vitimam pessoas nos tempos que correm.

A Igreja de Santa Joana estava a rebentar pelas costuras e, finda a celebração, abriu-se um espaço de confraternização para chá, bolachas e dois dedos de conversa. Tudo com a convicção de que a unidade dos cristãos se vai construindo com pequenos gestos. E, claro está, com oração e compromisso cristão.

Tony Neves
(Sacerdote católico,
Missionário Espiritano,
membro da equipa ecuménica jovem)

27329833_10213309265760402_100508416_o

[Mais fotografias da Vigília Ecuménica Jovem/Celebração Nacional no Serviço da Juventude de Lisboa]

Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos 2018

A Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos 2018 começa hoje, dia 18 de janeiro, e os jovens da diocese são convidados a participar em duas celebrações ecuménicas, este sábado e domingo, respectivamente em Lisboa e Setúbal.

A primeira celebração é a Vigília Ecuménica Jovem 2018, este sábado, dia 20 janeiro, a partir das 21h30, na igreja de Santa Joana Princesa, em Lisboa.

O momento de oração é dinamizado pelos departamentos da pastoral juvenil de quatro Igrejas Cristãs: Católica, Lusitana, Metodista e Presbiteriana.

A cidade de Setúbal também vai receber uma celebração ecuménica e diversas Igrejas Cristãs vão reunir no domingo, 21 de janeiro, pelas 16h00 na igreja Presbiteriana de Setúbal. [Rua Alferes Pinto Vidigal, n.º 15, perto da Estação Rodoviária]

O site da nossa diocese informa que vão participar ministros e crentes da Igreja Católica Romana, da Igreja Católica Oriental Ucraniana, das Igrejas Ortodoxas Russa e Romena, da Igreja Lusitana e da Igrejas Presbiteriana e Metodista.

«A tua mão, Senhor, é poderosa!» (EX 15,6), do livro do Êxodo, é o lema da Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos 2018. Este Oitavário especial celebra-se, anualmente, entre 18 e 25 de janeiro, no hemisfério norte.

Os subsídios para as celebrações, reflexão e oração foram preparados pelas Igrejas das Caraíbas e estão disponíveis no site da Santa Sé – https://goo.gl/9vc33X

O Oitavário começou a celebrar-se em 1968 e teve como primeiro tema ‘Para o louvor de sua glória’ (Efésios 1,14).

Portugal já preparou o material informativo e celebrativo para a Semana de Oração pelos Cristãos de 1996 e que foi vivida com o tema ‘Eis que estou à porta e bato’ (Apocalipse 3, 14-22).

cartaz vigília ecuménica jovem 2018

[Foto de destaque: FEJ 2017, Departamento Juvenil da Arquidiocese de Braga]

Setúbal & o Sínodo dos Bispos | Encontros de Reflexão e Formação

O Secretariado Diocesano da Pastoral da Juventude de Setúbal convidou todos os agentes de pastoral juvenil da diocese para cinco encontros de reflexão e formação sobre os temas do Sínodo dos Bispos 2018 dedicado ao tema geral “jovens, fé e discernimento vocacional”.

Os encontros promovidos pela equipa da pastoral juvenil têm como objetivo geral a formação para “clarificar e envolver” os agentes da pastoral juvenil na lógica sinodal.

As cinco reuniões começam este domingo, dia 14 de janeiro, no Seminário de Almada, com uma jornada dupla: Encontro com secretariados e movimentos, às 15h00, e a partir das 18h00, as Vigararias de Almada, Seixal e Caparica.

Os dois primeiros formadores são, respetivamente, o responsável nacional da pastoral Juvenil dos Salesianos, o padre Álvaro Lago, e o diretor do Secretariado Diocesano da Pastoral Juvenil e do Ensino Superior de Santarém, o padre Ricardo Conceição.

Os formadores vão abordar os temas do próximo Sínodo dos Bispos (03-28 outubro) a partir do documento preparatório, ou seja, vão falar sobre a realidade dos jovens no mundo de hoje, o discernimento vocacional e a ação pastoral com os jovens.

Os agentes juvenis das Vigararias Barreiro/Moita e Montijo foram convidados para reunir a partir das 21h00 de 26 de janeiro, na igreja de Santa Maria, no Barreiro. A formadora é a irmã Ana Paula Conceição, das Franciscanas Missionárias de Nossa Senhora, que acompanha o movimento GioFrater.

Os últimos encontros são no domingo seguinte, dia 28 de janeiro, na Cúria Diocesana, em Setúbal. Começa com as Vigararias de Palmela/Sesimbra e Setúbal (15h00) e depois reúnem os Institutos de Vida Consagrada e Instituições Sociais que trabalham com jovens em situação de risco (18h00).

Para esta jornada dupla foram convidados os sacerdotes Miguel Ribeiro e Carlos Alberto Nunes, respetivamente, dos Missionários Espiritanos e dos Combonianos.

Nestes encontros o Secretariado Diocesano da Pastoral Juvenil vai convidar as paróquias, grupos e movimentos a envolverem os jovens na atividade «Faz-te ouvir! – A Igreja em caminho com os jovens», que vão desenvolver a nível local nos meses de fevereiro e março.

Nestas reuniões, com duração aproximada de duas horas, também vai ser apresentado um questionário destinado aos jovens da diocese, bem como mostrados os resultados das reuniões e da auscultação feita aos responsáveis da juventude diocesana e reforçado o plano de ação do atual ano pastoral 2017/2018.

Participação nas Jornadas Nacionais confirma caminho de “processo e reflexão”

No passado sábado, dia 06 de janeiro, realizaram-se em Fátima as VI Jornadas Nacionais da Pastoral Juventude, organizadas pelo Departamento Nacional da Pastoral Juvenil. O conferencista convidado foi o Padre Salesiano, Santi DomÍnguez Fernández, coordenador nacional dos Centros Juvenis Salesianos em Espanha. O tema proposto foi «Pastoral Juvenil e a Família».

O conferencista dedicou um primeiro tempo aos temas do Documento Preparatório para o Sínodo dos Bispos sobre a juventude, «Os jovens, a fé e o discernimento vocacional», salientando a importância do acompanhamento, que é crucial na vida e no crescimento espiritual dos jovens.

Neste âmbito, destacou a necessidade de ter gente preparada e disponível para que possa acolher e ir ao encontro dos jovens, não como um profissional de “coaching”, mas com o sentido de vivência, missão e serviço à Boa Nova que revoluciona a vida daqueles que por ela se deixam interpelar. Foi, ainda, partilhando que a família ocupa um lugar importante na vida dos jovens e por isso é necessário olhar para a família, não como objeto da pastoral, mas sim como sujeito nesta.

Apostar numa pastoral de processos, ao invés de uma pastoral de eventos

Sublinhou também a importância apostar numa pastoral de processos, ao invés de uma pastoral de eventos, que crie uma ação pastoral sustentada e crie sinergias quer entre a Juventude e a Família, quer com os outros ramos pastorais. Após os momentos das conferências, os grupos dos participantes foram convidados à partilha entre si e apresentação, em plenário, dessas conclusões.

As Jornadas Nacionais contaram, ainda, com a presença de D. Joaquim Mendes, presidente da Comissão Episcopal do Laicado e Família (CELF), que lançou, no fim do dia, diversos desafios aos secretariados e movimentos presentes. Estas jornadas foram antecedidas pelo Conselho Nacional da Pastoral Juvenil, coordenado pela primeira vez pelo novo diretor do Departamento Nacional, Padre Filipe Diniz e sua equipa.

Promover a reflexão sobre os temas sinodais é objetivo do Secretariado da Pastoral da Juventude

Para o Secretariado Diocesano da Pastoral da Juventude da nossa diocese, este encontro foi um enriquecimento, quer na formação e partilha de ideias dos que se fizeram presentes, quer como contributo para o trabalho já iniciado no ano pastoral passado e do trabalho contínuo a realizar este ano.

Ajudou-nos a sentir-nos confirmados naquilo que foram os resultados dos inquéritos realizados no ano passado e aquilo que foram as conclusões destas jornadas, apontando o rumo que o secretariado pretende viver neste tempo sinodal na Diocese de Setúbal.

Já neste mês de janeiro serão realizados cinco encontros, para os quais foram convocados todos os agentes de pastoral juvenil, quer ao nível diocesano, quer ao nível local (nas vigararias e nas paróquias) para promover a reflexão sobre os temas sinodais. Em todos os encontros haverá um formador convidado.

Pe. João Nabais Dias, diretor da Pastoral da Juventude de Setúbal

26735742_10208003745931625_364963445_o