“Sai do Sofá…e Constrói-te!” – Catequese 2 | Testemunho

Na passada sexta feira, dia 10 de Fevereiro, tive a graça de estar no Montijo, para a 2ª catequese relacionada com a Teologia do Corpo, preparada pela Pastoral Juvenil da nossa Diocese.

Desta vez, a catequese (muito em jeito de testemunho), chegou até mim e aos jovens presentes, pela voz do Pedro e da Sofia Azadinho. Uma bênção!

O tema do encontro, foi “Namoro, Afetividade e Sexualidade” (Que falta que faz, falar sobre isto nos dias de hoje!)

Para mim, enquanto Católico e enquanto alguém que deseja responder ao desafio de S. João Paulo II “ Não tenhais medo de ser santos!”, para alguém que procura viver um namoro Cristão, surge muitas vezes esta pergunta: Será que viver em castidade é o melhor? Porquê a castidade? Será que no meu namoro, procuro a felicidade do outro em primeiro lugar? Ou coloco a minha própria felicidade, a minha satisfação à frente de quem caminha ao meu lado?

Mais uma vez, a Igreja, na pessoa do Pedro e da Sofia e enquanto Mãe que cuida dos seus filhos, falou a tantos jovens com as mesmas dúvidas. Mostraram-nos que optar e viver em castidade, é uma verdadeira prova de amor para quem está ao nosso lado e caminha connosco! Demostraram o quanto a nossa sexualidade é algo bom, criada e pensada por Deus, mas que deve ser respeitada e usada de forma e na altura certa, livre de egoísmo, numa doação total ao outro, no sacramento do Matrimónio.

Como se não fosse suficiente, o belo testemunho que recebemos, tivemos a alegria de nos encontramos com Jesus Eucaristia, presente no SS Sacramento do Altar. Foi o momento alto da noite, o momento de encontro que confirma a catequese que acabavamos de receber. O momento que nos edifica e constrói, o momento que muda o meu e o coração de tantos jovens, que faz sair do sofá, que faz acreditar que viver um namoro casto, é a opção certa, ainda que o mundo nos diga que não.

Mauro Santos, paróquia de Santo André